Consumidor de Orgânicos

Tomate orgânico: conteúdo nutricional e a opinião do consumidor

RuimRegularBomÓtimoExcelente
Rio, 19 de fevereiro de 2013.
Foto: Sylvia Wachsner

A pesquisa teve o objetivo de descrever o conteúdo nutricional e as características sensoriais do tomate orgânico em comparação ao convencional, bem como conhecer o perfil e a opinião dos consumidores com relação aos alimentos cultivados organicamente. Foram analisadas as características físico-químicas e sensoriais dos tomates dos cultivares Carmem e Débora, produzidos por meio do cultivo orgânico e convencional. As amostras de tomate foram avaliadas fisicamente, considerando-se a textura e cor, e quimicamente, o pH, sólidos solúveis totais, acidez total titulável, ácido ascórbico, teores de licopeno, b-caroteno e de minerais. Também foram avaliados os aspectos sensoriais como aroma, sabor, cor e aspecto geral. Pesquisa feita junto ao consumidor revelou que a principal motivação para a compra de alimentos orgânicos é a saúde, especialmente por serem identificados como livres de pesticidas. Quanto às restrições dos consumidores ao consumo de orgânicos, merece destaque os preços elevados e a disponibilidade limitada.

CI Orgânicos – Paula Guatimosim
Acessado em: 18/01/2013

tomate-pesquisa

Conteúdo completo disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11141/tde-12022003-165547/pt-br.php

BORGUINI, Renata Galhardo. Tomate (Lycopersicum esculentum Mill) orgânico: o conteúdo nutricional e a opinião do consumidor. Tese de mestrado – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (USP). São Paulo, 2003.

 

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.