Produtor de Orgânicos

Qualidade pós-colheita, tomate de mesa convencional e orgânico

RuimRegularBomÓtimoExcelente(Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 25 de fevereiro de 2013.

 

foto: CI Orgânicos

O trabalho avaliou a qualidade pós-colheita de frutos de tomate de mesa de diferentes sistemas de cultivos. As amostras de tomate convencional e orgânico foram mantidas a uma temperatura de 23,5 ± 2 °C, com UR de 74% ± 5 e submetidas à análise da massa, peso específico, cinzas, sólidos totais, sólidos solúveis totais, acidez titulável total, relação sólidos solúveis totais/acidez titulável total, pH, vitamina C, Salmonella spp., coliformes totais, coliformes fecais, bolores e leveduras e análise sensorial, realizada pela Análise Descritiva Quantitativa (ADQ). O tempo de armazenamento em temperatura ambiente foi de 13 dias para o tomate convencional e de 14 dias para o tomate orgânico. Os resultados mostram que ambas as amostras apresentaram similar comportamento na análise física, química sensorial e microbiológica nos estádios de maturação.

CI Orgânicos – Paula Guatimosim
Acessado em: 18/01/2013

tomate-pos-colheita

Conteúdo completo disponível em: http://orgprints.org/20089/1/Ferreira_qualidade.pdf

FERREIRA, S.M.R. et al. Qualidade pós-colheita do tomate de mesa convencional e orgânico. Ciência e Tecnologia de Alimentos Campinas, n 30, v. 4.  Campinas, 2010. 

 

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.