Consumidor de Orgânicos

Consumidores de orgânicos Vitória da Conquista, BA

RuimRegularBomÓtimoExcelente (Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 2 de abril de 2013.
fs-300x225
foto: Divulgação

O trabalho analisa o conhecimento dos consumidores sobre alimentos orgânicos, sua disposição para consumi-los e os critérios que norteiam a decisão de compra. Foram entrevistadas 207 pessoas na faixa etária de 17 a 79 anos, que realizam compras nos dois principais pontos de venda, na cidade de Vitória da Conquista (BA).

O resultado confirma que as mulheres são mais influentes do que os homens na compra de alimentos e, portanto, no consumo de alimentos orgânicos. Diverge, entretanto, de outras pesquisas que informam que o consumo de AO se concentra em pessoas mais maduras, em torno de 40 anos de idade. Mostra também que a relação entre o consumo de AO com escolaridade e renda é mais complexa do que têm mostrado outras pesquisas e, ao contrário do que tem sido divulgado, os dados não indicam associação do consumidor de AO em causas ambientais. Mostra ainda que o consumidor lê o rótulo dos produtos antes de efetuar a compra.

Foi evidenciado que o consumidor de AO, associa o consumo, em primeiro lugar, à saúde e segurança alimentar e só depois a outros fatores como meio ambiente, sabor dos alimentos e geração de emprego. Por fim, a pesquisa revela que na decisão do consumo de AO, os consumidores são sensíveis à orientação vinda, em primeiro lugar, de nutricionistas, depois médicos, seguidos de professores e ambientalistas.

CI Orgânicos – Paula Guatimosim
Acessado em: 27/03/2013

Conteúdo disponível em:
http://www.advancesincleanerproduction.net/second/files/sessoes/4b/2/S.%20D.%20P.%20Trevisan%20-%20Resumo%20Exp.pdf

TREVISAN, S.D.P.; CASEMIRO, A.D. Consumidores de Produtos Orgânicos em Vitória da Conquista, Bahia. UESC, UESB. São Paulo, 2009.

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.