Produtor de Orgânicos

Agricultura orgânica: sustentabilidade e valoração

RuimRegularBomÓtimoExcelente (Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 15 de maio de 2013.
Embrapa Agrobiológica, RJ, foto: CI Orgânicos

A construção de um novo paradigma, sob a legenda da agroecologia, com base no destino inseparável do homem e do meio ambiente, evidencia cada vez mais a agricultura orgânica como alternativa para minimizar os problemas ambientais decorrentes da atividade agrícola. O artigo aborda desde o conceito de agricultura orgânica e sua normatização, legislação específica e certificação, assim como o mercado mundial e nacional. Sugere a intensificação das pesquisas, inclusive pela Embrapa, que precisará vencer barreiras históricas, incorporar profissionais especialistas no tema, e sugerem estratégias para atender às inúmeras demandas de um mercado em franca expansão.

O documento relaciona, ainda, as principais oportunidades de expansão e desenvolvimento de toda a cadeia produtiva de orgânicos. Por fim, recomenda estratégias para a proposição e execução de projetos de pesquisa na Embrapa e nas empresas estaduais de pesquisa, destacando a necessidade inicial de se vencer a barreira de ceticismo associada a este tipo de conceber e fazer agricultura.

CI Orgânicos – Paula Guatimosin
Acessado em: 08/05/2013

Conteúdo completo disponível em:
http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/CNPAB-2010/27385/1/doc122.pdf

NEVES, M.C.P.; MEDEIROS, C.A.B.; ALMEIDA, D.L.;DE-POLLI, H.; RODRIGUES, H.R.; GUERRA, J.G.M.; NUNES, M.U.C.; CARDOSO, M.O.; AZEVEDO, M.S.F.R.; VIEIRA, R.C.M.T.; SAMINÊZ, T.C.O. Agricultura orgânica: instrumento para a sustentabilidade dos sistemas de produção e valoração de produtos agropecuários. Embrapa, 2000.

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.