Produtor de Orgânicos

Introdução de mudas de árvore, gado, pastagem de capim marandu

RuimRegularBomÓtimoExcelente (Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 2 de abril de 2013.

 

Embrapa Agrobiológica, RJ, foto: CI Orgânicos

É sabido que as árvores são necessárias para melhorar a produção, a qualidade e a sustentabilidade das pastagens. Elas acumulam quantidades substanciais de carbono, aumentam a biodiversidade, amenizam os estresses ambientais que podem prejudicar o desempenho e a produção dos animais, proporcionam ao produtor benefícios com a venda de produtos e serviços provenientes das espécies arbóreas , servem de alimento rico em proteína para o gado e aumentam a produção de leite.Tais efeitos são maiores quando utilizadas leguminosas arbóreas, que possuem a capacidade de fixar N do ar. Um dos entraves à maior presença de árvores em pastagens é a dificuldade para a introdução e o estabelecimento das mudas.

O manual descreve experimentos com a finalidade de selecionar espécies arbóreas de pouca aceitabilidade pelos animais, que, neste caso, deixam de cumprir o papel de contribuir para a alimentação do gado, principalmente se forem leguminosas, fonte rica em proteínas. Fezes bovinas têm diferentes utilidades, além dos usos tradicionais, como esterco. Mas o extrato diluído de fezes frescas, borrifado nas mudas pode protegê-las dos animais quando introduzidas nas pastagens, facilitando o estabelecimento das árvores.

CI Orgânicos – Paula Guatimosim
Acessado em: 25/02/2013

mudas-arvores-Pesagro-manual23

Conteúdo completo disponível em:
http://www.pesagro.rj.gov.br/downloads/riorural/manual23.pdf

DUARTE JÚNIOR, J.B.; COELHO, F.C. Manual Técnico 23 – Método de introdução de mudas de árvore sem proteção e na presença de gado, em pastagem de capim marandu. PESAGRO. Niterói, 2010.

 

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.