Consumidor de Orgânicos

Donos de marcas orgânicas

RuimRegularBomÓtimoExcelente(Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 18 de novembro de 2013.
fonte: Michigan State University

O Dr. Phil Howard, Professor Associado da Universidade Estadual de Michigan, nos Estados Unidos, é responsável pela criação e atualização do infográfico indicativo da consolidação da indústria de alimentos, dona de marcas orgânicas.

Grandes empresas de alimentos como Hain Celestial, Kellogg, Cargill, Nestle, Dean, etc. tem investido, nos últimos anos, na adquisição de produtores de orgânicos, de menor tamanho.

As principais mudanças em relação à última versão, de maio de 2013, incluem a compra da Earthbound Farm pela WhiteWave, por US$ 600 milhões, em dezembro de 2013. A Earthbound é a maior produtora orgânica dos Estados Unidos. Além disso, a Coca-Cola adquiriu uma parcela de 10% da Green Mountain Coffee, por US$ 1.25 bilhões, e a Bimbo (Mexicana) comprou o Canada Bread, da Maple Leaf Food (Canadense), por US$ 1.7 bilhões.

O gráfico também mostra que algumas das mais importantes marcas orgânicas, agora, pertencem as gigantes redes de lanchonetes mundiais, as indústrias de alimentos processados e de bebidas, as mesmas corporativas que gastaram milhões de dólares para combater as iniciativas de OGM (Organismos Geneticamente Modificados), na Califórnia e em Washington. General Mills (dona da Muir Glen, Cascadian Farm e LaraBar), Coca-Cola (Honest Tea e Odwalla), J.M. Smucker (R.W. Knudsen, Santa Cruz Organic), e vários outros donos de corporativas orgânicas contribuíram com grandes quantias para proibir os cidadãos de terem o direito de saber o que tem nas suas comidas.

Infográfico atualizado, produzido pelo Dr. Howard: who owns organic

Você pode ver a notícia completa, em inglês, no site do Cornucopia Institute, clicando aqui

Fonte: Cornucopia Institute

CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK E TWITTER

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.