Produtor de Orgânicos

Galinha caipira para produção de ovos, regime semi-intensivo

RuimRegularBomÓtimoExcelente (Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 28 de março de 2013.

 

foto: Yamagushi

Estima-se que a avicultura caipira no Brasil data da época do descobrimento, ou seja, tenha cerca de 500 anos. Criada solta, esse tipo de ave exercita-se e seleciona o tipo de alimento, tornando-se mais resistente. Esse sistema visa ao bem-estar do animal e à preservação do ambiente. Nessas condições, são produzidas aves com melhor qualidade de carne e ovos, alimentos que, atualmente, são exigidos por uma sociedade de consumo mais consciente. Embora a produção de ovos no Brasil seja de alto nível, a avicultura continua dependente de outros países, pois as ‘avós’ das linhagens produtivas ainda são importadas. Atualmente, o Brasil importa a galinha caipira da França, porém, as aves chamadas de caipiras foram geneticamente trabalhadas, selecionadas e adaptadas. Passaram por programa de melhoramento genético para a fixação de alguns parâmetros produtivos e, ao mesmo tempo, para reduzir as características indesejáveis.

A ave caipira tem o período de criação cerca de duas vezes superior ao das aves industriais, com produção de ovos e carne menores, mas de alta qualidade. O manual foi elaborado com o objetivo de fornecer informações indispensáveis aos técnicos executores e demais envolvidos no Projeto RioRural/GEF, para que orientem os agricultores interessados em iniciar corretamente suas criações de galinha caipira.

CI Orgânicos – Paula Guatimosim
Acessado em: 25/02/2013

Galinha-caipira-Pesagro-manual18_completo

Conteúdo completo disponível em:
http://www.pesagro.rj.gov.br/downloads/riorural/18%20Galinha%20Caipira.pdf

CARVALHO, L.S.; RIBEIRO, A.G.P.; SANTOS, M.W. Manual Técnico 18 – Criação de galinha caipira para produção de ovos em regime semi-intensivo. PESAGRO. Niterói, 2008.

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.