Consumidor de Orgânicos

Consumo sustentável no Brasil: os “aparentes paradoxos”

RuimRegularBomÓtimoExcelente (Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 14 de outubro de 2013.

supermercado, Berlim

O artigo é um recorte de uma pesquisa mais ampla denominada Choices Project: Leveraging Buying Power for Development – Ethical Consumption and Sustainable Procurement in Chile and Brazil e tem por objetivo “iluminar” alguns “aparentes paradoxos” encontrados nos discursos de entrevistados brasileiros em uma pesquisa qualitativa e analisar contradições no que se refere ao discurso e a prática sobre consumo sustentável. Por isso, apresenta o contexto político-institucional brasileiro para o desenvolvimento sustentável com foco no consumo, as aparentes contradições encontradas na pesquisa e sua análise. Por fim, elenca os desafios que indicam aspectos para reflexão no estabelecimento de uma política de consumo consciente, como parte de uma política mais ampla de desenvolvimento sustentável, capaz de redesenhar o tecido urbano e assegurar prosperidade e qualidade de vida a todos.


CI Orgânicos Paula Guatimosin
Acessado: 08/10/2013

Autores: Rita de Cassia Monteiro Afonso, Roberto Bartholo, Dorothea Kleine,
Maria das Graças Brightwell – COPPE/UFRJ, University of London

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.