Produtor de Orgânicos

Conservação, embalagem e tempo de estocagem da polpa de manga “Ubá”

RuimRegularBomÓtimoExcelente(Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 26 de junho de 2013.

O trabalho analisou o efeito dos métodos de conservação, dos tipos de embalagem e do tempo de estocagem sobre a coloração das polpas de manga orgânica, cultivar Ubá, proveniente da região da Zona da Mata (MG), na safra 2004/2005. Para o processamento, as mangas foram divididas em três lotes: no primeiro e no segundo, a polpa passou por uma pasteurização, na qual foram testados os binômios de 75ºC/8,7min. e 80ºC/4,6min. O terceiro lote foi destinado à produção de polpa submetida somente ao congelamento. As polpas foram acondicionadas em recipientes esterilizados metalizados e transparentes com tampas rosqueáveis e estocadas por 180 dias. As polpas pasteurizadas foram estocadas a 7±2oC e a polpa congelada não pasteurizada foi armazenada a -18ºC. A avaliação da cor foi realizada por meio da colorimetria, utilizando-se um colorímetro de triestímulo no sistema CIELAB (1976) com os parâmetros: L*, luminosidade; a*, contribuição do vermelho; e b*, contribuição do amarelo.

Concluiu-se que a polpa congelada foi a que apresentou menor alteração de cor, no final de seis meses de estocagem, independente do tipo de embalagem.

CI Orgânicos – Paula Guatimosin
Acessado em: 18/06/2013

Conteúdo completo disponível em:
http://www.ceres.ufv.br/ceres/revistas/V55N006P35808.pdf

FARAONI, A.S.; RAMOS, A.M.; STRINGHETA, P.C.; LAUREANO, J. Efeito dos métodos de conservação, tipos de embalagem e tempo de estocagem na coloração de polpa de manga “Ubá” produzida em sistema orgânico. UFV, Viçosa, 2008.

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.