Produtor de Orgânicos

Compostagem de resíduos com esterco para insumo

RuimRegularBomÓtimoExcelente (Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 1 de setembro de 2013.
foto: Armazém Sustentável, RJ, CI Orgânicos

O trabalho avaliou a produção de adubo orgânico de resíduos domiciliares, por meio da integração de compostagem e vermicompostagem, com e sem esterco bovino nos processos. Foram realizadas duas etapas experimentais: na primeira, testou-se a termoestabilização dos resíduos e estabeleceram-se condições propícias para a introdução das minhocas; na segunda, aos 27 dias de termoestabilização, os resíduos resultantes da primeira etapa foram colocados em um recipiente de 9 dm3, com e sem minhocas, em delineamento casualizado, com quatro repetições. Ao longo de 69 dias foram feitas três avaliações das taxas de reprodução e sobrevivência das minhocas adultas e os atributos químicos do composto – com e sem minhoca. As minhocas sobreviveram e se reproduziram nos substratos, com maior taxa de multiplicação no substrato com esterco.

A utilização dos resíduos orgânicos de origem domiciliar, para a produção de insumo, é tecnicamente viável, tanto por meio da compostagem, quanto da vermicompostagem. A adição de esterco não reduziu o tempo de maturação do composto. À exceção do K e Mg, que tiveram seus teores alterados, a integração dos dois processos produziu adubos com características químicas similares.

CI Orgânicos – Paula Guatimosin
Acessado em: 10/06/2013


Conteúdo completo disponível em:
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2007000700018

LOUREIRO, D.C.; AQUINO, A.M.; ZONTA, E.; LIMA, E. Compostagem e vermicompostagem de resíduos domiciliares com esterco bovino para a produção de insumo orgânico. UFRRJ, Seropédica, 2007.

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.