Produtor

Sustentabilidades, Gestão Pública e Hortas Escolares

RuimRegularBomÓtimoExcelente (Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 1 de junho de 2020.

O que fazer diante da crise socioambiental? Gostaríamos de ter a resposta de um milhão de dólares, se valessem tanto quanto um milhão de árvores nativas, em sucessão ecológica, em área de preservação demarcada de forma democrática, sobretudo em respeito aos territórios indígenas. A orientação da sustentabilidade como transversal ao meio ambiente, às relações sociais, ao acesso básico à alimentação de qualidade ou à esfera econômica demanda uma formação para um comportamento ambiental estratégico. O espaço das hortas escolares, articuladas com seus territórios, seus múltiplos atores e saberes, apresenta-se como importante ferramenta no desenvolvimento de uma vasta gama de conhecimentos, atitudes e comportamentos que podem ser estratégicos em face da ação pró-ambiente.

Envolvendo autores do ambiente acadêmico, bem como autores pertencentes a outras esferas sociais produtoras de conhecimento, cada qual com suas formas próprias de expressão, esperamos que estas reflexões atuem como convite para um olhar crítico diante da complexidade que constitui a crise socioambiental – tanto promovendo a valorização dos saberes construídos nos territórios quanto acerca dos argumentos e ações que desmerecem tais saberes.

Clique na imagem abaixo e confira o Ebook na íntegra:

Fonte: Grupo Hortas Bio USP

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.