Produtor

A primeira fazenda de frangos orgânicos argentinos

RuimRegularBomÓtimoExcelente (Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 28 de outubro de 2019.
Foto: Reprodução/Internet

A Cocorokeen é a primeira fazenda de frangos orgânicos certificados na Argentina e está comprometida com uma nova variante de criação e alimentação, cuidando do bem-estar animal e da sustentabilidade ambiental.

Para a fazenda, o melhor alimento para o consumidor é aquele que sabe de onde vem. Os galinheiros respeitam todos os controles de saúde e bem-estar animal. Além disso, os animais tem têm acesso ao exterior, garantindo que o animal esteja livre de doenças, lesões físicas e dor.

Quando se deslocam livremente no alojamento, sem competir entre si por comida e água. Eles não sofrem ferimentos ou dores devido a manuseio inadequado. Os frangos são abatidos aos 84 dias e são livres de estresse.

Os animais têm uma dieta balanceada, são alimentados com grãos orgânicos certificados, não geneticamente modificados, livres de agroquímicos.

O eixo do sistema de produção orgânica sustentável promove o cuidado ambiental, fortalecendo a biodiversidade e a atividade biótica do solo.

São utilizados métodos que minimizam a poluição do ar, do solo e da água. Os produtos orgânicos garantem segurança, possuem maior quantidade de antioxidantes (até 40% a mais dependendo do produto) e metabólitos secundários e são rastreáveis, entre outras características.

Eles devem ser certificados, porque é assim que o consumidor garante que eles sejam controlados durante todo o processo, desde a produção primária até o processamento e a comercialização e, dessa forma, sua qualidade específica é garantida.

O principal mercado internacional está nos Estados Unidos, enquanto existem 2.9 milhões de produtores no mundo, dos quais 17% estão na América Latina.

As culturas mais representativas: cereais (4.1 milhões de hectares), forragens (2,8 de hectares), oleaginosas (1.3 de hectares) e legumes e têxteis (500.000 hectares). As culturas perenes mais importantes são café, azeitona e nozes.

fonte: Avicultura Industrial

Deixe o seu Comentário:

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.