Produtor

Drones aplicam defensivos agrícolas de modo inteligente

RuimRegularBomÓtimoExcelente (Dê sua opinião sobre essa matéria)
Rio, 31 de janeiro de 2022.
Drone, imagem site Koppert.

No final de 2020, a Koppert Biological Systems adquiriu a Geocom, hoje Natutec Drone, empresa pioneira em geoprocessamento de imagens e a primeira a desenvolver uma tecnologia exclusiva para aplicação de agentes biológicos via drones no Brasil.  Desde então, a empresa tem oferecido esses serviços, com expectativa de atender seis estados e mais de 1,6 milhão de hectares em 2021.  

Combater pragas e doenças com recursos da própria natureza tem crescido no agronegócio nos últimos anos, com a intensa evolução dos modelos de proteção do plantio. Sustentável e eficiente, este novo padrão rompe paradigmas e se alia às correntes cada vez mais fortes em favor da redução do uso de produtos químicos no controle de pragas e doenças.

Os bioinsumos colaboram ainda para a redução da resistência às moléculas químicas existentes, contribuindo para a criação de um ambiente mais supressivo e equilibrado. De acordo com o professor Santin Gravena, consultor da Koppert, a adoção do controle biológico no setor apresenta ao agricultor os chamados “inimigos naturais” e micro-organismos responsáveis por reduzir a incidência de pragas e doenças que acometem as plantas, bem como inoculantes que tornam as culturas mais resistentes, da raiz até as folhas.

Tecnologia 

Para aumentar a eficiência da aplicação dos defensivos biológicos, a Koppert contratou, recentemente, os serviços da Perfect Flight – agtech brasileira voltada para inteligência de pulverização. A ideia é utilizar as soluções de monitoramento e rastreamento oferecidas pela startup para a elaboração de estratégias ainda mais eficazes no combate biológico às pragas e doenças.

“Faremos a gestão das liberações dos macros biológicos e o principal serviço contratado foi a automatização do relatório que é entregue ao produtor, antes produzido em três dias e que nós entregaremos em até três minutos. Todas as análises, todos os dados cruzados com números e informações acessíveis para a tomada de decisão, estarão rapidamente na mão dos produtores”, disse Paulo Villela, Gerente de Desenvolvimento de Negócios da Perfect Flight.

A empresa faz a leitura dinâmica de toda a área de aplicação do bioinsumo, além de assimilar também fatores externos como condições climáticas, proximidade de nascentes e regiões com a presença de animais, para determinar o melhor momento e o melhor padrão de aplicação. Ou seja, o produtor recebe uma análise completa para orientar, da forma mais eficaz, a proteção do plantio.

Essa análise evita a dispersão dos produtos para outras áreas e, consequentemente, diminui os gastos e protege o meio ambiente. Cada metro pode ser fundamental para as finanças e para os cuidados com a natureza.

Vinícius Lopes, gerente comercial de cana-de-açúcar da Koppert, explica que o objetivo é integrar a prestação de serviços com o conceito da companhia. “A Natutec nos remete à manejo biológico com tecnologia embarcada e excelência na solução de serviços prestados. Nesse novo ciclo, objetivamos a consolidação do compromisso de entregar ao agricultor brasileiro aplicações e relatórios de pós-aplicação que considerem o resultado e a eficiência de nossos produtos”, finaliza.

Fontes: Agrolink, Koppert

Comentários

Deixe um comentário

Siga no Instagram @ciorganicos

🌎 Principal fonte de inteligência sobre a cadeia produtiva de alimentos saudáveis e produtos orgânicos.

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.