Esalq

Adubação Verde: do conceito à prática

Adubação Verde: do conceito à prática

A “adubação verde” consiste no cultivo de espécies vegetais capazes de melhorar as condições físicas, químicas, biológicas e a capacidade produtiva dos solos. Essa melhoria do solo é conseguida através da utilização de material orgânico não decomposto de plantas cultivadas (restos de galhos, folhas e outros), através do corte das plantas, deixando-as sobre o terreno como cobertura morta ou através de sua incorporação ao solo. Pode ser utilizada como parte de um sistema de rotação de culturas ou em consórcio com espécies econômicas, em pequena escala ou larga escala.

ESALQ conclui que morangos orgânicos têm polpa mais firme

ESALQ conclui que morangos orgânicos têm polpa mais firme

Confira como morangos produzidos no sistema orgânico possuem maior teor de sólidos solúveis e maior firmeza de polpa que aqueles produzidos no sistema convencional. Práticas como adubação, os tratamentos fitossanitários, a qualidade das mudas, são fatores importantes para se obter um produto com características aceitáveis.

Cafe orgânico: agrega valor

Cafe orgânico: agrega valor

Pesquisa realizada na Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (USP/ESALQ), considera a conversão da cafeicultura convencional para o sistema orgânico de produção como alternativa para o cafeicultor gerar maior lucro, reduzir o impacto ambiental, dentre outros.

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.