Defensivos biológicos

Agricultura aprova dez novos defensivos biológicos e orgânicos

Agricultura aprova dez novos defensivos biológicos e orgânicos

Entre eles estão dois inéditos, informa o ministério: o feito à base de Heterorhabditis bacteriophora e de Hirsutella thompsonii. O primeiro é usado para controle da larva-alfinete, praga da batata. O segundo controlará o ácaro-rajado, praga que ataca soja, feijão, milho e algodão, além de frutas como morango, maçã, pera, uva, maracujá, melancia, abacaxi e cacau.

Kimberlit inaugura fábrica de defensivos biológicos

Kimberlit inaugura fábrica de defensivos biológicos

De olho num mercado que cresceu quase 80% em 2018, os sócios da empresa de fertilizantes especiais Kimberlit Agrociências inauguraram na terça-feira a fábrica de defensivos biológicos Bionat. Com sede em Olímpia, no interior de São Paulo, a Bionat nasce em um ambiente promissor. Segundo dados da Associação Brasileira das Empresas de Controle Biológico (ABCBio), o segmento faturou R$ 464.5 milhões em 2018 e a expectativa é de avanço de 20% neste ano.

Boletim de notícias

Cadastre-se e receba novidades.